4.9.11


"Tomara que a gente não desista de ser quem é por nada nem ninguém deste mundo. Tomara que apesar dos apesares todos, a gente continue tendo valentia suficiente para não abrir mão de se sentir feliz. As coisas vão dar certo. Vai ter amor, vai ter fé, vai ter paz – se não tiver, a gente inventa!"

Nenhum comentário: