17.4.10

'Talvez o mundo não seja pequeno
Nem seja a vida um fato consumado
Quero inventar o meu próprio pecado
Quero morrer do meu próprio veneno
Quero perder de vez tua cabeça
Minha cabeça perder teu juízo
Quero cheirar fumaça de óleo diesel
Me embriagar até que alguém me esqueça'
.
Chico Buarque.

Um comentário:

Danubya Pereira de Medeiros disse...

Perfeito.Chico sempre me encantando.!!
Salve Chico Buarque, me trazes tão boas lembranças,de amores meus de outrora...
beijo Aninha,teu bom gosto é tamanho!